sexta-feira, fevereiro 24, 2006

se ao menos

Se ao menos tudo fosse tão simples como abraçar-te, como sentir o sal dos teus lábios no doce dos meus. Se ao menos tudo fosse tão simples como beijar-te por horas infindas, ou ficarmos apenas a falar, com o meu nariz afogado no suave aroma do teu pescoço.

Se ao menos tudo fosse tão simples como sentir assim, sem pressas, percorrer o teu corpo como se nunca tivesse visto nada assim antes… na realidade acho que nunca vi, não assim, um corpo que a cada recanto reflecte um pouco da alma que tentas esconder.

Se tudo fosse tão simples como inventar uma desculpa para te tocar o rosto, ou deixar que toques o meu… se ao menos fosse tão simples como deixar-me levar… se ao menos existissem para sempre os beijos ao acordar, e os abraços ao adormecer, se os sonhos fossem para sempre assim… se ao menos, para sempre existisse.

Se ao menos eu fosse menos diferente… se todas as palavras fossem como as tuas, se tudo me fizesse rir como tu, se me sentisse sempre assim… se… se… se.

Adoro-te. E embora nem todas as tardes possam ser passadas num sofá amarelo, embora nem todas as noites possam ser passadas em abraços roubados, embora tu sejas um pouco assim, e eu um pouco da outra maneira, continuo a achar que vale a pena. Vale a pena arriscar tudo o resto, por um pouco disto.

Porque se ao menos todas as pessoas se sentissem um bocadinho assim todos os dias, então o Mundo seria como aquele sitio do meu sonho, em que todos os sons eram feitos de risos.

4 comentários:

Pescador disse...

Acho que disseste/sentiste tantas coisas aqui...
agora...,
bem agora talvez seja a hora de te deixares ir...
deixares que o teu corpo e a tua alma sintam...
sem medo...,
sem temor...,
sem receio de arriscar...
deixa-te ir meu Anjo !!
Voa...
é esse o teu destino ....
voar !!
Bjs docessssssss com sabor a sabores da minha terra..., gajaza, manga, abacate e fruta pinho ;-) !!
Pescador

ana monteiro disse...

Palavras maravilhosas que pude ler agora!
Fiquei maravilhada com tanta graciosidade em cada palavra, em cada frase!
Sem explicação... comeveu me!
Os acasos são engraçado. . .foi por acaso que encontrei o teu blog. De certo esta será o principio de muitas visitas!
Adorei. Continua assim! :)

Anónimo disse...

tenho saudades tuas!

Pescador disse...

Faço minhas as palavras de um anónimo... tenho saudades
Por andas Anjo !?!? espero que andes feliz ;-) !!
Bjs doces, sempre....
Pescador